Combo "Jesuítas" - 4 livros

Código: 6RR6L4TUW
R$ 185,00
até 10x de R$ 22,79
Comprar Estoque: 10 dias úteis
    • 1x de R$ 185,00 sem juros
    • 2x de R$ 98,07
    • 3x de R$ 66,65
    • 4x de R$ 50,95
    • 5x de R$ 41,54
    • 6x de R$ 35,27
    • 7x de R$ 30,81
    • 8x de R$ 27,46
    • 9x de R$ 24,86
    • 10x de R$ 22,79
  • R$ 185,00 Boleto Bancário
* Este prazo de entrega está considerando a disponibilidade do produto + prazo de entrega.

O Combo "Jesuítas" incluem os quatro livros e todas foram escritas pela historiadora J. M. S. Daurignac, que dedicou sua vida a estudar a Companhia de Jesus.

1. História da Companhia de Jesus (vol.1)

Neste primeiro volume de sua monumental História da Companhia de Jesus, J. M. S. Daurignac elenca e descreve com maestria os principais acontecimentos do primeiro século de existência da ordem jesuíta: a conversão e a admirável trajetória de seu santo fundador, as peregrinações pela Europa e a luta contra as heresias protestantes que ameaçavam solapar a autoridade da Igreja, a brilhante participação do padre Laynez no Concílio de Trento e os trabalhos incessantes de São Pedro Canísio numa Alemanha destroçada pelas guerras de religião.

Acompanhamos os esforços do padre Anchieta, que andava pelas praias brasileiras e adentrava nas matas portando o altar nas costas, em busca de uma tribo que aceitasse ouvir o evangelho e de pessoas que pudessem assistir à missa. Testemunhamos o martírio impressionante de quarenta missionários numa embarcação – que se dirigia ao Brasil – atacada por huguenotes, os sofrimentos dos fiéis pregadores da Palavra de Deus, amados e perseguidos em todo o globo: do Japão dos bonzos à Inglaterra de Elizabeth I, o sangue dos mártires é a semente de novos cristãos.

2. História da Companhia de Jesus (vol.2)

No segundo volume da História da Companhia de Jesus, é possível testemunhar as grandes ondas de perseguição à ordem jesuíta. Começando pela França dividida entre “jansenistas” e “molinistas”, “galicanistas” e “ultramontanos”, a oposição aos padres da Companhia atinge o auge com o ministério ímpio e anticristão do marquês de Pombal no reino de Portugal. No passo seguinte, os inimigos da Igreja obtêm a supressão temporária da Companhia justamente em um período que coincidiu com uma das maiores tragédias políticas, sociais e espirituais modernas: a Revolução Francesa.

Após a tragédia, acompanhamos com júbilo e esperança o reestabelecimento da Ordem, após tantos sofrimentos dos Santos Padres, e os mais belos frutos da pregação dos “batina-preta” na América, na China, na Argélia e no mundo inteiro.

3. Biografia de Santo Inácio de Loyola

Inácio nasceu em 1491 e era um nobre espanhol entregue às tentações do mundo. Certo dia, durante a defesa do castelo de Pamplona, o guerreiro foi gravemente ferido e passou semanas em seu quarto no castelo da família; desse mal Deus forneceu os meios necessários para a conversão, já que depois de ler a Vida de Jesus Cristo e a Legenda Áurea, ele concluiu que deveria imitar Cristo e os santos. Inácio pendurou, então, sua espada aos pés da imagem de Nossa Senhora de Montserrat e entregou a sua vida ao serviço da Igreja, praticando deste dia em diante o que viria a ser conhecido como os “Exercícios Espirituais”. 

Não muito tempo depois, mudou-se para Paris com o intuito de converter as mentes mais brilhantes da Europa e os seus primeiros seguidores formaram as bases da fundação da gloriosa Companhia de Jesus.

“Não basta, que eu sirva o Senhor soberano do céu e da terra; é necessário que Ele seja amado por todos os corações; é necessário que todas as vozes o bendigam e cantem os seus louvores! Não basta que eu trabalhe para a minha própria perfeição; é necessário, para a maior glória da sua divina Majestade, que eu trabalhe para a dos outros!” 
 (Santo Inácio de Loyola)

4. Biografia de São Francisco Xavier

Francisco Xavier, conhecido como o apóstolo das Índias, nasceu em 1506 na Espanha e desde a juventude aplicou-se aos estudos, fazendo carreira na Universidade de Paris. Foi neste ambiente de grandes nomes da intelectualidade católica do século XVI que Francisco, ainda descrente, travou seu primeiro contato com Inácio de Loyola, o nobre espanhol que viria a ser seu amigo e pai espiritual. 

“Francisco, que adianta o homem ganhar o mundo inteiro se perder a sua alma?” 
 (Inácio de Loyola para Francisco Xavier, antes da conversão)

Como Padre, e agora percorrendo um caminho de santidade, São Francisco Xavier foi enviado pelo rei português para ir em missão ao Oriente. Na Índia, conduziu um frutuoso trabalho de evangelização que abrangeu todas as idades e classes de pessoas. Ao avançar para o Japão, dedicou-se a aprender a língua e os costumes da nação, a fim de anunciar Nosso Senhor Jesus Cristo para todo o extremo oriente. Da França ao Japão, a trajetória católica do homem conhecido como o “São Paulo do Oriente” merece ser conhecida por todos nós e está retratada na presente edição.

Produtos relacionados

R$ 185,00
até 10x de R$ 22,79
Comprar Estoque: 10 dias úteis
Pague com
  • Pagar.me V2
Selos

Associação Centro Dom Bosco de Fé e Cultura - CNPJ: 27.702.376/0001-02 © Todos os direitos reservados. 2019